Aprovado pedido para realizar fórum técnico sobre literatura

Evento destinado a colher sugestões sobre política de leitura e bibliotecas terá participação da Assembleia.

O requerimento do evento é assinado pelos deputados Elismar Prado e Bosco e pela deputada Rosângela Reis (Foto: Guilherme Dardanhan/ALMG)

O requerimento do evento é assinado pelos deputados Elismar Prado e Bosco e pela deputada Rosângela Reis (Foto: Guilherme Dardanhan/ALMG)

A Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou, nesta quarta-feira (02/08/17), requerimento para realização do fórum técnico do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas de Minas Gerais. O objetivo é colher sugestões da sociedade civil para a elaboração de anteprojeto de lei, a ser encaminhado pelo Executivo à ALMG.

O evento será feito em colaboração com as Secretarias de Estado de Cultura e de Educação, que elaboraram o documento de referência para as discussões. O plano deverá estabelecer as metas e diretrizes para a área para os próximos dez anos, a fim de incentivar a leitura e democratizar o acesso às bibliotecas.

O requerimento é assinado pelos deputados Bosco (PTdoB), presidente da comissão, Elismar Prado (PDT), vice-presidente, e pela deputada Rosângela Reis (Pros). Rosângela lembrou as bibliotecas existentes nas escolas públicas, que são pouco utilizadas.

Gastronomia

A comissão aprovou também requerimento do deputado Celinho do Sinttrocel (PCdoB) para visita à Casa da Gastronomia Mineira (00Mineiraria), inaugurada recentemente pelo Governo do Estado no Bairro Barro Preto, na Capital. O parlamentar salienta que é importante a ALMG acompanhar as ações de fortalecimento do setor, em função de sua importância para a economia de Minas.

No requerimento, ele ressalta que o Estado tem, atualmente, 154 eventos gastronômicos e 19 roteiros ligados às peculiaridades alimentares de cada região, entre os quais o do queijo.

Balanço

Na reunião, os deputados destacaram a promulgação do Plano Estadual de Cultura (Lei 22.627, de 2017) pelo Executivo. A lei foi fruto de extensa discussão conduzida pela Comissão de Cultura durante fórum técnico realizado em várias regiões do Estado.

Quanto aos desafios para este semestre, além do evento sobre livro e bibliotecas, os deputados citaram o PL 4.450/17, que acaba de chegar à ALMG. Ele institui os Sistemas Estadual da Cultura e de Financiamento à Cultura, e ainda, a Política Estadual de Cultura Viva.

>> Consulte o resultado da reunião.

Fonte: ALMG

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentar

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*