Arcos, Uberaba, Poços de Caldas e Itaúna desenvolvem ações literárias

Pela realização de ações de incentivo à leitura, diversas cidades mineiras estão sendo destaque na mídia de todo o Brasil. As ideias, muitas vezes desenvolvidas com baixo orçamento, têm a intenção de proporcionar um contato maior de parte da população com os livros.

Ponto de ônibus ganha livros (Foto: Reprodução/TV Integração)

Ponto de ônibus ganha livros (Foto: Reprodução/TV Integração)

Uberaba

Na cidade de Uberaba, por exemplo, os alunos e professores da Escola Municipal Vicente Alves Trindade idealizaram uma pequena biblioteca em um ponto de ônibus do município. Os passageiros que aguardam os ônibus podem levar as obras para casa ou consultá-las enquanto esperam a condução.

A decoração, inspirada nas obras do artista Joan Miró, contribui para que o espaço receba o carinho de todos os moradores da cidade.

Confira a matéria completa aqui.

Poços de Caldas

Em Poços de Caldas, cidade do sudoeste mineiro, funciona há 10 meses um projeto que troca atividades literárias produzidas pelos detentos por uma redução da pena a ser cumprida.

Professor acompanha trabalho literário dos interessados (Foto: Jéssica Balbino/G1)

Professor acompanha trabalho literário dos interessados (Foto: Jéssica Balbino/G1)

Idealizada pelo professor Davidson Sepini Gonçalves, o projeto acontece em três presídios mineiros. Se o detento realizar todas as atividades relacionadas aos livros, ele poderá pode ter a pena diminuída em até 48 dias a cada ano.

Conheça melhor o projeto aqui.

Itaúna

Com uma infância beirando o absurdo, Magela Moreira cresceu assistindo a funerais dos moradores de sua cidade. Aproveitando essa juventude totalmente desviada dos modelos comuns, o escritor decidiu se inspirar nessas histórias para compor um livro. O lançamento de sua obra, “Nota de Falecimento”, aconteceu no dia 26 de setembro, no Espaço Cultural da cidade de Itaúna.

Lançamento do livro Nota de Falecimento, em Itaúna (Foto: Magela Moreira/Divulgação)

Lançamento do livro Nota de Falecimento, em Itaúna (Foto: Magela Moreira/Divulgação)

Confira mais detalhes sobre o lançamento aqui.

Arcos

A Escola Municipal Laura Andrade inaugurou, na comunidade do Sobradinho, em Arcos, uma biblioteca itinerante. O objetivo é levar a literatura para pessoas que não têm acesso fácil a livros do gênero literário.

A primeira etapa do projeto, que consiste na disseminação dos livros aos moradores do local, já está sendo feita. O próximo passo é criar um círculo em que os livros do Sobradinho passem para outras comunidades, que mandarão as obras já lidas de volta, efetivando assim uma troca cultural entre os habitantes da cidade.

Biblioteca itinerante é inaugurada em Arcos (Foto: Rossela Santos)

Biblioteca itinerante é inaugurada em Arcos (Foto: Rossela Santos)

Essa já é a segunda ação literária desenvolvida na escola que chama atenção da mídia. Há dois anos o projeto “Lendo em Família” incentivou a presença dos parentes dos estudantes em relação aos primeiros contatos dos jovens com a leitura.

Confira as notícias completas nos links:

– Escola Municipal Laura Andrade inaugura biblioteca itinerante

Projeto em escola de Arcos incentiva a leitura em família

Mais projetos

No último Boletim Eletrônico, o Conselho Regional de Biblioteconomia 6ª Região (CRB-6) divulgou uma matéria especial que contou ações similares realizadas em Varginha, Pouso Alegre, e Divinópolis. Relembre Se você desenvolve ou conhece ações literárias em Minas ou no Espírito Santo, nos envie para que possamos divulgar. Nosso email é crb6@crb6.org.br.

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*