Campanhas Estimulam Doação de Livros para Projetos de Incentivo à Leitura na Zona da Mata

(Crédito: Divulgação)

 

Os municípios de Lima Duarte e Juiz de Fora promovem campanhas que incentivam a população a doar livros para projetos literários.

A proposta é formar acervo para manter projetos, como a “geladeira”, instalada em uma praça de Lima Duarte e as iniciativas da Biblioteca do Centro de Artes e Esportes Unificados Coronel Adelmir Romualdo de Oliveira, em Juiz de Fora.

Há mais de um mês, as prefeituras divulgam em perfil oficial em rede social uma campanha pedindo doações de livros, que devem ser entregues das 8h às 17h, no Centro de Informações Turísticas, em frente à praça onde foi instalada a primeira “geladeira literária”.

Requisitos para doar livros para a campanha:

  • Assunto: literatura em geral: obras de ficção e não ficção, poesia, dramaturgia, romance, biografias, idioma estrangeiro, literatura infanto-juvenil e gibis.
    • Condições físicas: em bom estado de conservação. Não serão aceitos materiais sujos, mofados, rasgados, rabiscados, manchados, com páginas amareladas, folhas arrancadas ou com carimbos institucionais.Dentro da proposta de incentivar o despertar das pessoas para a leitura e de trazer um público variado para o espaço, a Biblioteca da Praça CEU desenvolve três projetos para facilitar o acesso às publicações.
    • “É tempo de leitura”: direcionado a cerca de 90 famílias cadastradas no Programa de Segurança Alimentar (PSA), atendidas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), instalado na praça. A cada dois meses, data da retirada das cestas básicas, o grupo é convidado a participar de uma contação de histórias, com entrega de um kit de livros, organizado conforme as características do público-alvo. Já houve duas edições do projeto, em maio e em julho. A próxima será agora em setembro.
  • “Leia Mais”: os títulos e diversas publicações ficam à disposição em uma estante permanente no saguão da praça. O registro médio de retirada é de dez publicações por dia, quase 300 por mês, incluindo para moradores em situação de rua que passam pelo local.
  • “A Leitura Cura”: uma coleção de obras literárias está à disposição de usuários da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Norte.

Fonte: G1

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*