CFB publica resolução sobre uso do registro profissional

Nome e registro agora são obrigatórios em documentos e fichas catalográficas

No dia 6 de outubro, o Conselho Federal de Biblioteconomia (CFB) publicou a Resolução nº 184/2017, que dispõe sobre a obrigatoriedade da indicação do nome e do registro profissional do bibliotecário nos documentos e fichas catalográficas sob sua responsabilidade.

De acordo com a decisão, as seguintes regras já estão em vigor:

  1. Documentos referentes ao campo de ação do bibliotecário só terão validade se assinados por um profissional devidamente registrado no seu respectivo Conselho Regional de Biblioteconomia (CRB);
  2. É obrigatório citar o número de registro no CRB após a assinatura de qualquer trabalho relacionado com as atividades biblioteconômicas, bibliográficas e documentológicas, em empreendimentos públicos, privados ou mistos, ou por quaisquer meios que objetivarem, tecnicamente, o desenvolvimento das bibliotecas e centros de documentação, inclusive por meio de planejamento, implantação, orientação, supervisão, direção, execução ou assistência.
  3. O número do registro do profissional no CRB deve constar abaixo das fichas catalográficas de publicações de quaisquer natureza e trabalhos acadêmicos.

Se tiver qualquer dúvida sobre a resolução, entre em contato com o Conselho Regional de Biblioteconomia 6ª Região (CRB-6) pelo e-mail crb6@crb6.org.br ou pelo telefone (31) 3222-4087.

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentar

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*