Opine sobre o novo Código de Ética do Bibliotecário

Consulta pública será realizada até o dia 10 de dezembro

O Conselho Federal de Biblioteconomia (CFB) precisa da sua ajuda. Foi aberta uma consulta pública online para que todos os profissionais do país possam analisar e discutir a proposta de texto do novo “Código de Ética e Deontologia do Bibliotecário”. Você tem até o dia 10 de dezembro para avaliar o projeto e apresentar suas considerações.

(Foto: Divulgação)

A necessidade de mudança foi detectada durante os seminários regionais de Bibliotecas Escolares e Públicas e de Ética Profissional, realizados nas cinco regiões do país, entre maio de 2014 e maio de 2015. Desde então, o documento foi revisto e discutido pelo CFB até que a atual redação do texto fosse formatada.

Para se manifestar sobre o assunto, basta ler a proposta completa com calma, acessar o formulário online e registrar suas considerações. A pesquisa está dividida em oito partes, para que você possa avaliar ponto a ponto todas as seções. São apenas questões abertas, para facilitar a argumentação.

O CFB esclarece que todas as contribuições serão sistematizadas, analisadas e, caso sejam pertinentes, incorporadas pela Comissão de Ética ao texto final. O resultado de toda a discussão será levado ao plenário do Conselho para apreciação e aprovação.

A conselheira coordenadora da Comissão de Ética do CRB-6, Edvânia Guedes (CRB-6/1686), considerou a forma como o CFB encontrou para articular a mudança como “muito apropriada”. “O profissional poderá apresentar suas sugestões em qualquer ponto do novo texto e as informações serão enviadas diretamente para a Comissão de Ética. Todos podem participar e é importante que o façam.”

Para ela, o destaque é a inserção da seção V, que trata das infrações éticas e disciplinares. Antes contempladas por resoluções separadas, agora encontram-se em um mesmo documento, discriminando melhor as infrações, níveis e circunstâncias atenuantes. “Essa atualização é reivindicação de muitos bibliotecários. Vivemos um tempo de mudanças e grande parte delas está relacionada à informação. É importante refletirmos sobre a forma de agirmos, visando alcançar cada vez mais o reconhecimento da profissão pelo mercado e pela sociedade.”

Então participe! Não fique de fora desse momento tão importante para a classe dos bibliotecários.

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

2 Comments

  1. Flávio Almeida
    Posted 18 de dezembro de 2018 at 16:47 | Permalink

    Olá, boa tarde.
    Gostaria muito de obter a informação – quantas vezes o código de ética da Biblioteconomia já foi atualizado? Tem algum material que informa?

    Desde já agradeço pela atenção.

    Atenciosamente,

    Flávio Almeida

    • Zoom Comunicação
      Posted 19 de dezembro de 2018 at 13:10 | Permalink

      Olá Flávio, boa tarde!
      Sugerimos que procure pelo Conselho Federal de Biblioteconomia, que é o responsável por editar a resolução que cria o Código de Ética do Bibliotecário.
      Estamos a disposição.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*