Visite o Museu Mineiro em Belo Horizonte

O atual prédio onde hoje funciona o Museu Mineiro é resultado de incorporações de anexos e de sucessivas alterações internas e externas ocorridas ao longo dos anos. A intervenção mais antiga, porém a mais significativa, teve início em 10 de fevereiro de 1905 e adaptou o prédio à sede do Senado Mineiro. O projeto criou um novo bloco que se destinava à Sala das Sessões do Senado e suas janelas abriam-se diretamente para a via pública. Com a Revolução de 1930 e o fim do Senado Mineiro, as dependências do prédio passaram a servir à Pagadoria-Geral do Estado, que realizou uma série de intervenções descaracterizantes, incluindo alterações na divisão interna e nas janelas de sua fachada.

Nos anos 70, com a transferência da Pagadoria-Geral do Estado para um outro local, o Governo do Estado decidiu destinar o prédio para a sede do Museu Mineiro. A edificação foi restaurada e adaptada em 1978–1979, sob a responsabilidade do Iepha-MG, que por meio do Decreto nº. 16.595 de 5 de dezembro de 1978, homologou o seu tombamento. Nos últimos anos, as intervenções ocorridas no prédio visaram dotar a instituição de espaços e equipamentos técnicos essenciais à natureza e às funções de um museu do porte do Museu Mineiro.

ACERVO
A constituição do acervo do Museu Mineiro teve início na época de criação do Arquivo Público Mineiro, antecedendo em mais de oitenta anos à inauguração do Museu. O núcleo inicial, denominado ‘Coleção Arquivo Público Mineiro’, é composto de pinturas históricas, achados arqueológicos, mobiliário, conjunto de moedas e de armas. Em fins da década de 1970, somaram-se a esse núcleo aproximadamente 187 imagens sacras e equipamentos litúrgicos, datados dos séculos XVIII e XIX, designados ‘Coleção Geraldo Parreiras’, em referência ao colecionador de quem o conjunto foi adquirido. Por ocasião da implantação do Museu Mineiro, o acervo da Pinacoteca do Estado – pinturas, gravuras e esculturas – que se localizava no Palácio da Liberdade, sede do Governo, foi incorporado à instituição. Nas décadas seguintes, especialmente, nos anos de 1980 e 1990, novas incorporações se sucederam. Hoje, o Museu Mineiro tem um acervo de mais de 2.600 objetos.

Serviço: Museu Mineiro
Horário de visitação:
Às terças, quartas e sextas-feiras, de 10h às 19h
Às quintas-feiras, de 12h às 21h
Aos sábados e domingo, de 12h às 19h

Entrada gratuita

Blog: http://museumineiro.blogspot.com

E-mail: museumineiro@cultura.mg.gov.br

Endereço: Av. João Pinheiro, 342 – Funcionários
Belo Horizonte – MG
Tel.: (031)3269-1103

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentar

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*