Poesia nas ruas

Formas diversas de registrar e divulgar criações popularizaram a literatura em BH

Em comemoração ao Dia Nacional da Poesia (31 de outubro), desde a publicação da Lei 13.131, sancionada em 2015, poetas mineiros desenvolveram ações para registrar e divulgar sua produção em espaços públicos da cidade.

Foto da Praça Sete, um dos pontos turísticos mais famosos de BH

Foto da Praça Sete, um dos pontos turísticos mais famosos de BH

O poeta Felipe Arco, 25 anos, integra o grupo de escritores e acredita na propagação da poesia de variadas formas. Há um ano, ele fez uma viagem pelo Brasil para divulgar o livro “200 mil Paçocas e Infinitas Poesias” – como forma de arrecadar fundos para a empreitada, o poeta vendeu a iguaria pela capital mineira. Ao retornar a Belo Horizonte, Felipe lançou a segunda obra, “12 Mil Km e Infinitas Poesias”, fruto da incursão.

Wesley Matheus, 25, Alessandra Giovanna, 23, e Rossini Luz, 29, também escolheram a poesia para impactar a cidade. Por meio do projeto “Poesias no Muro”, expuseram painéis de LED pelas ruas e avenidas da capital com versos de poetas brasileiros. Essa foi a primeira vez que a iniciativa, nascida no Facebook, foi para as ruas.

Outro projeto que vem mexendo com a rotina da cidade é o “Leve um Livro”. Há aproximadamente dois anos, Ana Elisa Ribeiro e Bruno Brum vêm disponibilizando gratuitamente livretos em pontos de Belo Horizonte. A ação surgiu do desejo da dupla de fazer a poesia brasileira produzida na atualidade chegar a mais pessoas de uma forma dinâmica.

Saraus literários também contribuem para uma maior popularização da poesia. Na capital mineira há várias versões: o Sarau Vira-Lata, Sarau Comum, Sarau das Cachorras e Coletivoz, além do Palco Biblioteca, do Sesc Palladium.

Browse the Boletim archive. Bookmark the permalink. Trackbacks are closed, but you can post a comment.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*