Festa Literária de Sabará terá ‘borrachalioteca’ sobre rodas, ‘carroça’ de histórias e DJ ‘Chaplin’

Livros no Centro Histórico:  Alunos da rede pública receberam livros nesta terça-feir, 15 (Foto: Flis/Divulgação)

Livros no Centro Histórico: Alunos da rede pública receberam livros nesta terça-feir, 15 (Foto: Flis/Divulgação)

A 1ª Festa Literária de Sabará (FLIS) começa nesta terça-feira (15) e segue até domingo (20). A menos de 20 quilômetros de Belo Horizonte, por meio do evento, a histórica cidade receberá oficinas, seminários, contação de histórias, teatro e música. Haverá também a inauguração da “Borrachalioteca Sobre Rodas”. A programação é gratuita.

Nesta biblioteca ambulante, um carro vai rebocar uma carretinha carregada com mais de 4 mil livros a serem distribuídos gratuitamente aos participantes. O cortejo inaugural será no sábado, na Praça Santa Rita, Centro da cidade.

“É um sonho antigo”, resume sobre a Festa, o coordenador do FLIS e idealizador da Borrachalioteca de Sabará, Marcos Túlio Damascena. Ele diz que o evento estava em planejamento há dois anos.

Já a biblioteca sobre rodas, explica, é uma doação dos alunos da UEMG. O objetivo é que o equipamento circule por Sabará mensalmente, para emprestar livros aos moradores.

Livros, livros e mais livros…

A curiosa Borrachalioteca foi criada por Túlio há 12 anos, na borracharia do próprio pai, Joaquim. No local, metade do espaço é para os pneus e alavancas e a outra metade, para a literatura. Desde então, com apoio da comunidade, Túlio conseguiu abrir mais três bibliotecas em Sabará. Mas ele não quer parar por aí.

“Gostaríamos de abrir uma quinta biblioteca no Bairro Fátima, onde há 36 mil habitantes”, planeja o entusiasta dos livros, sobre a atuação no grande bairro da periferia sabarense.

Até agora já estão em funcionamento: a “Borrachalioteca Sede”, no bairro Caieira; a “Casa das Artes”, no Polo Cultural (rua Marieta Machado, 164); a “Sala Son Salvador”, no Bairro Cabral; e o “Espaço Libertação pela Leitura”, no Presídio de Sabará, também no bairro Caieira.

Os livros para povoar tanta estante e a mente dos leitores, ele consegue por meio de doações. Hoje, mesmo com toda a movimentação em prol das letras, Túlio continua trabalhando com o pai na borracharia.

E mais Flis

Para compor a programação, a organização procurou valorizar artistas e escritores locais. Serão homenageados o cartunista Son Salvador e o escritor Olegário Alfredo. Haverá ainda intervenções com o grupo Arautos da Poesia em diversos pontos da cidade e o encontro “Ilustradores na Praça” com os artistas do traço Lelis, Son Salvador, Quinho, Wander Lara e Santiago Régis.

Por meio do Sesc, o FLIS ainda terá uma edição especial do projeto de debates “A palavra é…”, que abordará o tema “Corpo”. Ainda na programação, será realizada a oficina de rádio com o Coletivo Conexão Periférica e a oficina de cordel com Mestre Olegário Alfredo.

Hoje, durante uma ação na abertura do evento que é inédito na cidade, centenas de crianças e adolescentes receberam livros e participaram de rodas de contação de histórias em vários pontos de Sabará.

Nesta quarta-feira (16), a distribuição de livros continua. Lançamento de livros e apresentações musicais também pontuam o dia.

O idealizador: Junto da comunidade, Marcos Túlio já abriu quatro bibliotecas em Sabará e planeja a quinta. Na foto, ele ministra oficina de cordel (Foto: Ricardo Bastos/Arquivo Hoje em Dia, 26/03/2014)

O idealizador: Junto da comunidade, Marcos Túlio já abriu quatro bibliotecas em Sabará e planeja a quinta. Na foto, ele ministra oficina de cordel (Foto: Ricardo Bastos/Arquivo Hoje em Dia, 26/03/2014)

>> Informações e programação completa

Fonte: Hoje em Dia | Elemara Duarte

This entry was posted in Eventos and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*