Amazon lança, em parceria com a Nova Fronteira, prêmio literário

Nelson Rodrigues, Ariano Suassuna e Guimarães Rosa deverão ganhar companhia a partir do final do primeiro semestre de 2017. É que a Amazon se associou à Nova Fronteira, casa desses autores e de outros tantos como Rubem Fonseca, Carlos Heitor Cony e Caio Fernando Abreu, para criar o Prêmio Kindle de Literatura.

Daniele Cajueiro, da Nova Fronteira, e Ricardo Garrido, da Amazon, anunciaram o novo Prêmio Kindle de Literatura (Foto: Divulgação)

Daniele Cajueiro, da Nova Fronteira, e Ricardo Garrido, da Amazon, anunciaram o novo Prêmio Kindle de Literatura (Foto: Divulgação)

“O nosso objetivo é encontrar um novo grande romancista do Brasil”, comentou Ricardo Garrido, chefe de aquisição de conteúdos da Amazon no País, que anunciou o prêmio ao lado de Daniele Cajueiro, editora da Nova Fronteira. O ganhador terá sua obra publicada em formato impresso pela Nova Fronteira e um prêmio de R$ 20 mil em dinheiro.

“Basicamente, todo autor quer três coisas: que seus livros sejam acessados e livros, ganhar dinheiro e ser publicado por uma grande editora. Com o prêmio, conseguimos satisfazer esses três desejo”, completou Garrido.

Para participar do Prêmio Kindle de Literatura, autores independentes deverão publicar seus livros pelo KDP, plataforma de autopublicação da Amazon, a partir de hoje e até o dia 30 de novembro. No ato de submissão da obra, os candidatos devem optar pelo Kindle Select e incluir a palavra-chave #premiokindle no campo apropriado. Os livros devem ser obras de ficção originais, inéditas e escritas originalmente em português. Os termos e condições podem ser acessados pelo hotsite do Prêmio Kindle de Literatura.

A avaliação das obras será feita por um corpo de jurados composto pelos editores da Nova Fronteira, além de escritores e pessoas do mercado. O primeiro nome confirmado é o de Geraldo Carneiro. Os outros nomes deverão ser indicados em breve. Além dos critérios de qualidade literária, criatividade e originalidade, as obras passarão pelo crivo dos leitores. É que, como a obra já estará disponível na versão digital, os jurados terão acesso às avaliações de leitores e clientes da Amazon.

No dia 9 de janeiro, serão anunciados os três finalistas e, no dia 17 do mesmo mês, o vencedor. Não está definido ainda se acontecerá um evento para entrega do prêmio.

O anúncio desse prêmio acontece logo depois de rumores de que a Amazon estaria se associando à Câmara Brasileira do Livro (CBL) e ao Prêmio Jabuti para lançar um concurso com um formato muito similar a esse fechado com a Nova Fronteira. No entanto, ao ser questionado sobre se o Prêmio Kindle de Literatura viria a substituir essa parceria com o Jabuti, Garrido se limitou a dizer que a empresa não comenta projetos ou parcerias não realizadas. A CBL também não confirmou – mas também não negou – que foi procurada pela Amazon.

Fonte: Publishnews | Leonardo Neto

This entry was posted in Sem categoria and tagged , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentar

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*