Arquivo Público da Cidade de Belo Horizonte passa por reforma

O Arquivo Público da Cidade de Belo Horizonte (APCBH), espaço da Fundação Municipal de Cultura, passa por sua primeira grande reforma estrutural. A obra no prédio, que é sede do APCBH desde 1996, tem como objetivo a preservação do local, a expansão de sua capacidade de acolhimento de acervo e a criação de novos espaços para a visitação pública. A obra está sendo executada pela Superintendência de Desenvolvimento da Capital (SUDECAP).

“A Administração Pública e a produção de documentos cresceram muito. Já o Arquivo, não cresceu fisicamente, pois continuamos com o mesmo espaço. Essa reforma é fundamental para que voltemos a recolher os acervos da Prefeitura e os acervos privados de interesse público,” comenta Yuri Mello Mesquita, diretor do APCBH.

O projeto da reforma abrange a criação de novos depósitos para o acolhimento de acervos, recomposição e preservação da fachada, pintura e aquisição de novo mobiliário para a Sala de Visitas.

Um novo espaço no Arquivo Público da Cidade será integrado ao trajeto da visita monitorada já realizada na instituição e será palco de exposição dos acervos. Para a estreia, será montada no local a exposição comemorativa de seus 20 anos intitulada Arquivo Público, Memória Cidadã.

Segundo o Chefe da Seção de Infraestrutura e Suporte às Unidades Culturais da FMC, Wilson Wander, durante a reforma, foi realizado reforço de toda a estrutura para manter a segurança dos documentos e ainda será implantado um sistema de combate a incêndio com extintores, portas corta-fogo, sistemas de bombas de recalque, mangueiras e também um sistema de acessibilidade.

Com a reforma, o Arquivo Público pretende otimizar as condições de recepção de visitantes e pesquisadores, tornando mais eficiente a sua função de gestão, recebimento, guarda e preservação da documentação da cidade, um bem cujo valor é imensurável por contar a história de Belo Horizonte e, consequentemente, de todos os cidadãos.

Fonte: Prefeitura de Belo Horizonte

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*