Bibliometria

Bibliometria

Givanilda Maria
Bibliotecária CRB-8/9619

Conhecida antes como bibliografia estatística, a bibliometria, consiste na aplicação de técnicas estatísticas e matemáticas para descrever aspectos da literatura e de meios de comunicação, ou seja, análise quantitativa da informação.

Voltada inicialmente para a medida de livros, quantidade de edições, exemplares, quantidade de palavras contidas nos livros, espaço ocupado pelos livros na biblioteca, estatísticas relativas a livros. Agora já abrange outros formatos bibliográficos, como periódicos, e outros artigos científicos.

Vamos falar um pouco das três leis da bibliometria:

A lei de Lotka (1926), descobriu que uma larga proporção da literatura científica é produzida por um pequeno número de autores, e um grande número de pequenos produtores se iguala, em produção, ao reduzido número de grandes produtores, é a lei de produtividade dos cientistas. A Lei de Bradford (1934) pode ser enunciada da seguinte forma: se dispormos periódicos em ordem decrescente de produtividade de artigos sobre um determinado tema, pode-se distinguir um núcleo de periódicos mais particularmente devotados ao tema e vários grupos ou zonas que incluem o mesmo número de artigos que o núcleo, sempre que o número de periódicos existentes no núcleo e nas zonas sucessivas seja de ordem de 1: n: n²: n³ , é a lei de dispersão do conhecimento científico. E a lei de Zipf (1949), encontrou uma correlação entre o número de palavras diferentes e a frequência de seu uso e concluiu que existe uma regularidade fundamental na seleção e uso das palavras e que, um pequeno número de palavras é usado muito mais frequentemente, é o modelo de distribuição e frequência de palavras num texto. A preocupação da bibliometria é com a análise da produção científica e a busca de benefícios para as bibliotecas e os bibliotecários. É usada na promoção do controle bibliográfico, ajudando o bibliotecário conhecer o tamanho do acervo, suas características, ajudando no desenvolvimento de coleção. A bibliometria é muito importante para a biblioteca, esses indicadores bibliométicos, contribuem, e muito, na hora de pedir recursos para a biblioteca. Com esses dados estatísticos podemos pedir aumento de recursos para nossa biblioteca.

Fonte: Vértice Books

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas and tagged . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*