Projeto de lei dispõe sobre a instalação de bibliotecas em unidades prisionais no Estado de Minas Gerais

PROJETO DE LEI Nº 3.073/2012

Dispõe sobre a instalação de bibliotecas em unidades prisionais no Estado.

A Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais decreta:

Art. 1º – Ficam criadas bibliotecas nas unidades prisionais localizadas no Estado.
Art. 2º – O disposto nesta lei poderá ser executado com a colaboração técnica e financeira de entidades públicas ou privadas, por
meio de convênio ou instrumento congênere.
Art. 3º – Ficará a cargo da Secretaria de Estado de Defesa Social a regulamentação desta lei.
Art. 4º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.

Sala das Reuniões, 11 de abril de 2012.

Gilberto Abramo

Justificação: Não é comum falar-se de informação e de formação de bibliotecas para prisioneiros no Brasil. Isso ocorre em boa parte por causa da visão do Estado e da própria sociedade de que o preso é um condenado e não tem condições nem merece oportunidade de recuperação.

No entanto, temos muitos exemplos de presos que conseguiram se reabilitar e reconduzir sua vida através de projetos sociais, educativos, religiosos e culturais. Assim, acreditamos que a biblioteca pode ser um importante instrumento para auxiliar na formação dos presos e torná-los aptos a uma vida digna em sociedade.

Diante da importância da matéria, já que trata de recuperação de detentos, solicito o apoio imprescindível dos dignos pares para que seja aprovado este projeto de lei. Publicado, vai o projeto às Comissões de Justiça, de Segurança Pública e de Fiscalização Financeira para parecer, nos termos do art. 188, c/c o art. 102, do Regimento Interno.

Fonte: Assembleia Legislativa de Minas Gerais

This entry was posted in Artigos, matérias e entrevistas. Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*