CRB-6 participa de debate sobre incentivo à cultura no Espírito Santo

Nos dois últimos meses, a Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo (SECULT-ES) tem promovido debates sobre modelos e objetos de editais de incentivo à cultura e, principalmente, alternativas para lidar com a redução dos recursos financeiros disponíveis para o financiamento e execução de projetos nesta área.

Após muita discussão, no dia 25 de junho, durante encontro realizado no Palácio da Fonte Grande, em Vitória/ES, o Conselho Estadual de Cultura (CEC) e a SECULT-ES chegaram a um consenso em relação à distribuição dos recursos totais de R$ 8 milhões que financiarão os projetos culturais que concorrerão em 2015.

Eduardo Valadares (CRB-6/ES 615), delegado do Conselho Regional de Biblioteconomia 6ª Região (CRB-6) no Espírito Santo, esteve presente na reunião para representar o CRB-6. Ele é membro da Câmara de Literatura e Bibliotecas do CEC. “Mesmo diante das dificuldades financeiras do Estado, que refletem na redução dos recursos destinados aos editais de cultura, conseguimos ampliar o valor de R$ 144.000,00 destinados à Câmara de Literatura e Bibliotecas em 2014 para R$ 450.000,00 em 2015”, comemora Eduardo.

Eduardo Valadares, delegado do CRB-6 no ES, participou da reunião em Vitória

Eduardo Valadares, delegado do CRB-6 no ES, participou da reunião em Vitória

Este ano, além do tradicional edital de Produção de Livros Literários, a Câmara de Literatura e Bibliotecas contará com um novo edital destinado ao financiamento de dez prêmios de R$ 15.000,00 para projetos de incentivo a práticas leitoras, que deverão ser lançados no início do segundo semestre.

“Com esse novo edital, acreditamos que os bibliotecários terão condições de propor atividades que visem a incentivar a ampliação da prática leitora em nosso estado”, observa o conselheiro. Ele lembra ainda que a ampliação de recursos e a sensibilização das demais câmaras setoriais que compõem o CEC/ ES é fruto do trabalho integrado realizado pelo CRB-6, pela Academia Feminina Espírito-santense de Letras e Academia Espírito-santense de Letras.

Mariza Martins Coelho (CRB-6/1637), presidente do CRB-6, recebeu com entusiasmo o resultado desta reunião. “Uma verba dedicada a financiar projetos de incentivo à cultura irá abrir oportunidades para que os bibliotecários capixabas possam apresentar projetos bem estruturados e capazes de encantar o jovem no mundo da leitura”.

 

Browse the Boletim archive. Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*